Lançamentos Intrínseca de Julho

Considerada uma das 100 melhores fantasias de todos os tempos pela revista Time, A Guerra da Papoula, de R.F. Kuang, é o primeiro volume de uma trilogia visceral inspirada na história militar da China no século XX. Romance de estreia de Diogo BercitoVou sumir quando a vela se apagar narra uma história de amor ambientada entre a Síria e São Paulo nos anos 1930. Primeira obra de R. J. Palacio fora do universo de ExtraordinárioUma jornada sem fim apresenta uma trama comovente sobre amadurecimento, família e a força dos laços que nos unem a quem amamos. Em Ordem de bloqueioBill Browder retoma as denúncias feitas em Alerta Vermelho e, com o ritmo de um thriller, dá seguimento ao seu relato real sobre seu embate com o governo russo. Dolly Alderton compartilha os altos e baixos da juventude à vida adulta em Tudo o que eu sei sobre o amor, eleito um dos melhores livros escritos por mulheres na última década pela revista Stylist. A influencer, de Ellery Lloyd, é um thriller que mostra o lado sombrio da vida de uma personalidade da internet. Em Vai doerAdam Kay compartilha de forma inusitada e bem-humorada a rotina caótica de um médico residente.
Intrínseca de Julho

Tudo o que eu sei sobre o amor

Dolly Alderton

LANÇAMENTO EM 1º DE JULHO DE 2022

Tudo o que eu sei sobre o amor acompanha a trajetória da jornalista e escritora premiada Dolly Alderton, da juventude à vida adulta. Um misto de sessão de terapia e muita fofoca, esta não ficção conta com diversos relatos sensíveis e divertidíssimos, narrando desde flertes constrangedores por meio de mensagens na adolescência até a experiência de seguir solteira quando o resto do mundo parece composto por casais.

Repleto de histórias com as quais é impossível não se identificar — por vezes tão insanas que poderiam ser ficção —, Dolly sabe navegar como poucos entre o trágico e o incrivelmente cômico de suas memórias sem dar chance para a nossa indiferença, traduzindo de forma brilhante o verdadeiro caos que é amadurecer. Ideal para fãs de Fleabag O diário de Bridget Jones, a trama ganhou série na BBC, estrelada por Bel Powley (The Morning Show) e Emma Appleton (Traidores), com produção executiva e roteiro da autora. A série ainda não tem data de estreia no Brasil.

DOLLY ALDERTON é escritora, jornalista e colunista do The Sunday Times. Seu livro de estreia, Tudo o que eu sei sobre o amor, ganhou o National Book Award de Melhor Biografia no ano de sua publicação no Reino Unido.

A Guerra da Papoula

R.F. Kuang

LANÇAMENTO EM 6 DE JULHO DE 2022

A guerra está no coração do Império Nikara, e o ópio corre em suas veias. Com os boatos de que a Terceira Guerra da Papoula pode estourar a qualquer momento, a academia militar mais prestigiada do Império prepara seus alunos, os filhos da elite.

Obrigada a se casar com um homem asqueroso, Rin, uma jovem órfã de guerra, faz de tudo para reescrever o próprio destino. Por conta disso, estuda para o exame imperial por pura teimosia e, quando consegue uma vaga na academia, acredita estar salva. Mas logo ela aprende que uma garota pobre e de pele escura não é bem-vinda naquele lugar. Hostilizada pelos professores e colegas, Rin treina com afinco. Com a ajuda de um mestre excêntrico e substâncias psicoativas, ela passa a cultivar poderes xamânicos e a acessar a força incandescente de uma deusa vingativa, a perigosa Fênix. Quando o conflito com o país vizinho eclode, Rin entende que, para ganhar a guerra, talvez tenha que perder sua humanidade. Neste premiado best-seller recomendado para maiores de 18 anos, R.F. Kuang constrói com maestria um universo brutal e épico de deuses e monstros, inspirado na história militar da China no século XX. Os direitos de adaptação da obra foram adquiridos pela Starlight Media, produtora responsável pelo filme Podres de ricos.

R.F. KUANG é escritora, tradutora de mandarim e bolsista da Marshall Scholarship. Mestra em Filosofia na área de Estudos Chineses por Cambridge e em Estudos Chineses Contemporâneos por Oxford, atualmente cursa o doutorado em Literatura e Línguas do Oeste da Ásia em Yale. Pela trilogia A Guerra da Papoula, venceu os prêmios Astounding Award, Crawford Award e Compton Crook Award, além de ter sido indicada aos prêmios Hugo, Nebula, Locus e World Fantasy Award.

Intrínseca de Julho

Vai doer

Adam Kay

LANÇAMENTO EM 8 DE JULHO DE 2022

Prestes a começar seu período de residência em um hospital, Adam Kay estava pronto para dar início a uma carreira de prestígio. Porém, a realidade que encontrara era completamente diferente do que imaginava: jornadas de quase 100 horas semanais, remuneração baixíssima e um constante tsunami de fluidos corporais.

Relato sem censura de um médico recém-formado, o diário de Adam foi escrito secretamente ao fim de dias que pareciam intermináveis, em noites insones e em incontáveis finais de semana perdidos. Durante seus anos de trabalho no sistema público de saúde do Reino Unido, o comediante e ex-residente de medicina colecionou histórias hilárias, assustadoras e emocionantes. De objetos bizarros inseridos em diversos orifícios a dúvidas esdrúxulas de pacientes, passando por centenas de eventos cancelados por conta de plantões malucos, Adam revela em seu primeiro livro tudo que o leitor sempre quis saber sobre a rotina de um médico — e outras coisas que nem todo mundo gostaria de saber. Com uma narrativa leve e divertida, o autor expõe as humilhações, o dia a dia caótico, mas também as pequenas alegrias de um profissional da área de saúde. Vencedor do National Book Award em quatro categorias, incluindo Melhor Livro do Ano, Vai doer vai além das questões éticas e cirúrgicas para apresentar um lado nada glamouroso de uma das profissões mais cobiçadas do mundo.

ADAM KAY é comediante e roteirista, mas trabalhou por muitos anos como médico, de onde tirou as experiências que compõem Vai doer. Primeiro livro do autor, foi traduzido para mais de 35 idiomas, tornou-se um best-seller internacional, foi a não ficção mais vendida da Inglaterra no ano de seu lançamento e ganhou diversos prêmios. A trama também foi adaptada para uma minissérie na BBC, disponível no Brasil pelo HBO Max. Atualmente, Adam mora em Londres.

Uma jornada sem fim

R. J. Palacio

LANÇAMENTO EM 12 DE JULHO DE 2022

O mundo é cheio de mistérios. Em 1860, aos doze anos, Silas Bird sabe bem disso: um raio lhe deixou com uma cicatriz de árvore nas costas, e seu melhor amigo, Mittenwool, é um fantasma.

Órfão de mãe, o garoto passa os dias fascinado com os projetos e as histórias do pai, um sapateiro e pioneiro da fotografia, com quem mora nos arredores de uma pacata cidadezinha. Certa madrugada, três forasteiros trazem uma estranha proposta de trabalho para o pai, que se vê intimado a partir e manda o filho esperá-lo em casa. Assustado e impotente, Silas é deixado para trás e se desespera com a ideia de estar sozinho no mundo. Porém, ao encontrar um misterioso pônei preto de rosto branco que parece saber para onde ir, o garoto inicia uma perigosa jornada pelas florestas, ravinas e pântanos do Oeste americano — repletos de fantasmas e caubóis — que vai conectar Silas ao seu passado e futuro e lhe ensinar que, na verdade, nunca estamos sozinhos. Comovente e sensível, esta primeira obra de R. J. Palacio fora do universo de Extraordinário traz uma bela seleção de fotografias de época, além de capa, ilustrações e projeto gráfico exclusivos da edição brasileira.

R. J. PALACIO foi diretora de arte e designer gráfica de uma grande editora por mais de vinte anos antes de estrear na literatura com Extraordinário. Best-seller do New York Times publicado em 50 idiomas, o livro vendeu mais de 12 milhões de exemplares em todo o mundo e foi adaptado para o cinema em um filme de sucesso. Palacio mora em Nova York com o marido, os dois filhos e dois cachorros. Também é autora de 365 dias extraordináriosAuggie & euDiário extraordinárioSomos todos extraordináriosUma jornada sem fim e Pássaro branco.

Intrínseca de Julho

A influencer

Ellery Lloyd

LANÇAMENTO EM 15 DE JULHO DE 2022

Emmy Jackson, a @Mama_semfiltro, é uma influenciadora famosa, que conquistou seu espaço na internet falando sobre maternidade. Para os seus seguidores, ela tem uma língua afiada e não perde a chance de falar a verdade. Para o marido, um escritor que caiu no ostracismo, Emmy é capaz de manipular os fatos para fazer o que sabe de melhor: monetizar os detalhes íntimos da vida familiar.

Narrado sob a perspectiva de três vozes nada confiáveis, o romance de Ellery Lloyd prende a atenção do leitor até a última página. Há uma diabólica conspiração em curso, pontos de vista diferentes para os mesmos fatos e, claro, mágoas que não podem ser resolvidas. Ao explorar o lado sombrio do universo dos influenciadores e os perigos da hiperexposição da vida privada, A influencer surpreende ao demonstrar o sentimento de validação fomentado pelas redes sociais, além de questionar até onde somos capazes de ir em busca de likes. Em maio, uma edição exclusiva da obra foi enviada aos assinantes do intrínsecos — o clube do livro da Intrínseca.

ELLERY LLOYD é o pseudônimo do casal Collette Lyons e Paul Vlitos. Collette é jornalista e editora e já escreveu para veículos como The GuardianThe Telegraph Sunday Times. Paul é autor de outros dois romances, além de coordenador de Literatura Inglesa, Cinema e Escrita Criativa na Universidade de Surrey. A influencer é o primeiro livro da dupla.

Vou sumir quando a vela se apagar

Diogo Bercito

LANÇAMENTO EM 18 DE JULHO DE 2022

Yacub passa os dias na companhia de Butrus no vilarejo da Síria onde vivem. Os dois são inseparáveis e se deixam encostar casualmente enquanto colhem folhas de uva ou fumam no gramado. Mas uma agonia crescente toma conta de Yacub quando essa proximidade é ameaçada: Butrus recebera um convite do tio para emigrar para o Brasil e aproveitar as oportunidades de um futuro próspero no país.

A perspectiva do distanciamento não é forte o suficiente para que os dois verbalizem seus sentimentos, mas permite que finalmente se toquem. O ato consumado, no entanto, é seguido de uma tragédia. O que para os médicos é cólera, para Yacub é a ação do lendário jinni que habita o poço de uma casa abandonada, que estava aberto quando os jovens cederam aos seus desejos. Esse é o ponto de virada da narrativa, que passa a ter como cenário a vibrante São Paulo do início da década de 1930. Em um ambiente marcado pela vontade de se estabelecer e pela infinidade de possíveis futuros, o passado cisma em se fazer presente para o imigrante, que começa a ter sonhos cada vez mais vívidos tendo o jinni como figura persecutória. Em seu romance de estreia, Diogo Bercito narra com delicadeza e admirável domínio da escrita uma história na qual o que não está dito salta aos olhos a cada página. Uma trama atemporal, sobre as dificuldades de lidar com os desejos e a capacidade de tomar para si o próprio destino.

DIOGO BERCITO nasceu em São Paulo em 1988. É formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero e mestre em estudos árabes pela Universidad Autónoma de Madrid e pela Universidade Georgetown, na qual cursa um doutorado em história com especialização na história do Oriente Médio. Trabalha para a Folha de S.Paulo e escreve sobre literatura árabe e israelense para a revista Quatro Cinco Um. É autor das HQs Remy Rasga-Mortalhas – esta, indicada ao Prêmio Jabuti na categoria Histórias em Quadrinhos. Também publicou o livro de não ficção Brimos, que aborda a participação de imigrantes sírios e libaneses e seus descendentes na política brasileira.

Intrínseca de Julho

Ordem de bloqueio

Bill Browder

LANÇAMENTO EM 29 DE JULHO DE 2022

Na década de 2000, Bill Browder estabelece na Rússia sua empresa de investimentos. Ao deparar com um enraizado sistema de corrupção entre o governo e os antigos oligarcas do país, começa a denunciar os roubos de bilhões de dólares. As autoridades russas, por sua vez, acusam Browder e seu advogado, Sergei Magnitsky, de serem os responsáveis pelo esquema fraudulento. Tempos depois, Magnitsky é espancado até a morte após um ano de maus-tratos em um presídio de Moscou.

Browder, então, inicia uma batalha para identificar e punir os mandantes do assassinato. Enquanto segue o rastro dos valores enviados da Rússia em um esquema de lavagem de dinheiro internacional, ele parte em uma campanha mundial para aprovar a Lei Magnitsky, capaz de bloquear os bens dos envolvidos em crimes contra os direitos humanos. Nessa jornada, desperta a fúria de Vladimir Putin, apontado como um dos beneficiários da fraude. Com jogadas de mestre, Browder enfrenta agentes contratados para persegui-lo mundo afora, sofre com o assassinato de aliados e encara os grandes advogados e políticos ocidentais que tentam impedir seu progresso na luta contra a corrupção russa.

Ao retomar as denúncias de Alerta Vermelho, Bill Browder apresenta em Ordem de bloqueio uma história real de crime financeiro, uma aventura de espionagem internacional e um apelo por justiça. Mas, acima de tudo, este livro é um lembrete urgente do mal causado pelo poder nas mãos erradas.

BILL BROWDER, fundador e CEO do Hermitage Capital Management, era o maior investidor estrangeiro na Rússia até 2005, quando foi proibido de entrar no país. Desde o assassinato de Sergei Magnitsky, o ativismo de Browder levou à aprovação da Lei Magnitsky em 34 países. Essa lei possibilita a imposição de sanções a violadores de direitos humanos e a cleptocratas ao redor do mundo. Ele possui bacharelado em economia pela Universidade de Chicago e um MBA pela Stanford Business School.


Conheça nosso canal no YouTube!