Certamente Titanic é um dos filmes mais aclamados de James Cameron e como uma das maiores bilheterias da história do Cinema. Existe, no entanto, uma cena da qual o diretor se arrepende.

Muitos personagens do filme foram inspirados em pessoas da vida real, que estavam, de fato, presentes no navio que naufragou. A protagonista de Kate Winslet, Rose, e Jack, vivido por Leonardo DiCaprio, são exceções e são realmente fictícios.

Como outros filmes que misturam uma história fictícia tendo como pano de fundo eventos históricos, o roteiro de Cameron para Titanic tomou liberdades dramáticas com alguns dos personagens ao recontar as horas finais do transatlântico.

No entanto, Cameron se arrependeu de retratar o trágico falecimento de um dos personagens históricos.

Embora não seja incomum que os diretores se arrependam de certas cenas em seus filmes, James Cameron foi assombrado por uma cena em particular envolvendo o legado do primeiro oficial Murdoch.

A cena acontece no terceiro ato de Titanic, quando o caos começa no convés. Enquanto os passageiros lutam por um lugar nos botes salva-vidas, Murdoch toma medidas extremas enquanto atira em um passageiro e depois morre por suicídio na frente da multidão.

No especial de TV de 2017 National Geographic’s Titanic: 20 Years Later with James Cameron (via USA Today), Cameron admitiu que deveria ter lidado melhor com a morte de Murdoch no navio porque pode não ter sido retratada com precisão.

O cineasta contou: “Tomei a liberdade de mostrá-lo atirando em alguém e depois atirando em si mesmo. Ele é um personagem nomeado; ele não era um oficial genérico. Não sabemos se ele fez isso, mas, você sabe, o contador de histórias em mim diz: ‘Ah.’ Eu começo a ligar os pontos. Ele estava de plantão. Ele está carregando todo esse fardo com ele. Isso o tornou um personagem interessante”.

Cameron continuou explicando que estava pensando nisso como roteirista e não como historiador, e deveria ter levado em conta os sentimentos dos membros da família de Murdoch.

“Acho que não fui tão sensível sobre o fato de que sua família, seus sobreviventes podem se sentir ofendidos por isso, e eles ficaram”, disse ele.

Em uma entrevista ao USA Today, James P. Delgado, diretor da Administração Nacional Oceânica e Atmosférica, disse que não há evidências claras de que Murdoch tenha tirado a própria vida.

Ele observou como relatos de testemunhas oculares afirmam que um oficial atirou em si mesmo no navio, mas a identidade desse oficial nunca foi especificada.

Titanic está disponível no Star+.


Para mais notícias, siga-me os bons! AQUI