Durante entrevista ao site ComicBook, o roteirista Jeremy Slater falou sobre o uso de fatalities no filme Mortal Kombat 2.

Segundo Slater, o intuito é conseguir achar um equilíbrio entre diversão e violência nestas cenas para os próximos filmes.

“Eu sinto que o sangue em Mortal Kombat é incrível e faz parte do que as pessoas procuram, você sempre tem que encontrar esse equilíbrio entre o sangue divertido e o sangue brutal, certo? Porque há momentos em que você arranca o coração de alguém, ou a melhor morte no primeiro filme, é o chapéu giratório de Kung Lao meio que cortando-a ao meio. Esse é o exemplo perfeito de gore divertido porque é nojento, mas todo mundo ri ao mesmo tempo, certo?

Você quer ter certeza de que todo mundo está rindo do tipo de audácia, e eles não estão enojados por closes de entranhas gotejantes e viscerais e coisas assim. Há um aspecto em Mortal Kombat, sabemos que isso é ridículo, mas é muito divertido e estamos todos na piada juntos. E quando você encontra o equilíbrio certo, acho que é aí que você tem momentos como aquela primeira batalha incrivelmente sangrenta que abre o primeiro filme.”

Mortal Kombat 2 ainda não possui data de estreia.

O primeiro filme se tornou um dos maiores sucessos da HBO Max, atraindo quase 5 milhões de espectadores no lançamento.

O lutador de MMA Cole Young não conhece sua herança, nem sabe o motivo do Imperador da Exoterra ter enviado seu melhor guerreiro, Sub-Zero, para ir atrás dele. Temendo pela segurança de sua família, ele se une a outros heróis para proteger a Terra.


Para mais notícias, siga-me os bons! AQUI