REVIEW | Jogo: SpongeBob SquarePants: Battle for Bikini Bottom – Rehydrated

SpongeBob SquarePants: Battle for Bikini Bottom é um dos melhores jogos do nosso querido Bob Esponja produzidos até hoje, e a sua versão Rehydrated surge para reavivar essa afirmação.

Ficha Técnica:

  • Desenvolvido por: Purple Lamp Studios.
  • Publicado por: THQ Nordic.
  • Série: SpongeBob SquarePants.
  • Lançamento: 23 de junho de 2020.
  • Gênero: Ação, Aventura, Casual.
  • Classificação indicativa: Livre.
  • Modos: 1 Jogador (Multiplayer 2 Jogadores).
  • Disponível para: PlayStation 4, Nintendo Switch, Xbox One e Microsoft Windows.

Vocês estão prontas crianças?

A nostalgia já brota a partir do menu inicial, onde a música intro do esponjudo começa a tocar e não conseguimos deixar de responder “estamos capitão!” para a chamada proposital da letra. Por um momento voltamos a ser crianças, e esboços de sorriso vão aparecendo conforme alguns diálogos entram em cena. É tudo muito inocente e banal, e talvez aí esteja localizado o segredo da coisa toda. Obviamente o jogo se destina a crianças, mas não só as atuais, mas aquelas que foram crianças 17 anos atrás também.

Infelizmente, apesar de toda a interface e legendas estarem em PT-BR, sentimos a falta da dublagem em nosso próprio idioma. Nada que estrague a aventura é claro, pois basta darmos alguns passos na Fenda do Biquíni para voltarmos a ficar empolgados. A cidade está toda lá, com seus personagens e edifícios principais, e não apenas a parte exterior está muito bem representada, mas a interior também. É impossível não se sentir imerso no desenho.

Bob Esponja

Vive num abacaxi e mora no mar?

Bob Esponja Calça Quadrada nos trás uma história típica de suas aventuras vistas em filmes e desenhos. O mar foi invadido por robôs, e a lanchonete Balde de Lixo parece ser o epicentro do incidente. Plankton, alega não saber de nada, apesar de ser o dono do estabelecimento, estar sempre querendo dominar o mundo e ser famoso por criar robôs. Entenderam né? E é assim o jogo inteiro, com um enredo que te trata como se tivesse 5 anos de idade, se torna dificultoso não achar engraçado. Além é claro das piadas e zoeiras constantes.

Um ponto bem atraente também, são as expressões dos personagens. Mesmo se tratando de um desenho, é muito gostoso ver as caretas que eles fazem ou ainda dar gargalhadas quando for visitar a Sandy e ficar seco. Gente do céu, é hilário quando você percebe o estado em que Bob Esponja chega ao se adaptar com o ambiente. Outros detalhes como esse vivem aparecendo, bastando um pouco de observação do jogador.

Bob Esponja

Tem a cor amarela e espirra água?

Se engana quem achou que Bob Esponja Calça Quadrada seria o único a nos agraciar com as suas habilidades. Patrick e Sandy também participam de maneira constante, cada qual sendo útil de formas diferentes e bem criativas. Bob Esponja é claro é o mais “badass”, pois vai aprendendo novos truques conforme o decorrer do jogo. Já Patrick consegue pegar tanto objetos quanto inimigos e jogá-los a uma distância considerável. Enquanto Sandy conta com uma corda na qual consegue planar, eliminar inimigos e se pendurar em objetos (irráaaaaaaaaa!).

Cada mapa utiliza sempre um personagem em parceria com o  caçador amarelo de águas vivas, e para trocá-los é necessário encontrar um ponto de ônibus. Talvez essa seja uma das poucas coisas que incomodam dentro do jogo, você não poder trocar de forma livre o personagem. Em algumas fases precisamos ficar sempre indo e voltando para efetuar a troca e conseguir avançar, já que para avançar no cenário, precisamos alterar entre a habilidade de dois personagens. Mas talvez esse seja o objetivo, incentivar a exploração e tal, vai saber.

Bob Esponja

Se nenhuma bobagem é o que você quer?

Temos um conjunto bem satisfatório de fases, ambientadas de forma detalhada, diferentes entre si e extremamente coloridas. Cada qual pode ser acessada através de passagens dentro de locais da Fenda do Biquíni, pela viagem rápida localizada no menu ou ainda por umas faixas/pedágios de onde chamamos um Táxi. Esses pedágios exigem espátulas douradas, o item mais precioso dentro do jogo! E para consegui-las você não deve apenas completar as fases, mas sim inúmeras missões existentes dentro de cada uma.

Muitas dessas missões são distribuídas por personagens já conhecidos no mundo do Bob Esponja Calça Quadrada. Temos Garry, Lula Molusco, Seu Sirigueijo, Sra. Puff, Larry e inúmeros outros. Essas missões variam bastante, entre buscar coletáveis, pular de bungee jumping, apostar corridas, derrotar inimigos e claro, enfrentar chefões. Além de diversas outras atividades que tornam o jogo bem rico e interativo.

Diabruras à bordo e problemas com peixe?

Ademais os inimigos são bem variados, necessitando que você aprenda a matá-los, mas sem exigir muito do seu intelecto. Afinal, se trata de um jogo infantil e estamos falando do Bob Esponja Calça Quadrada. Os chefes também são um grande atrativo pelo mesmo motivo. Aliás, se você gostar mesmo de batalhas pode contar com um modo Multiplayer repleto de ondas de inimigos e até mesmo um grande Robô do Lula Molusco como chefão extra. Nesse modo encontrado no Menu Principal, você poderá não só aliviar todas as suas mágoas na pancadaria, como jogar com um amigo. Isso mesmo, seja local ou online, é diversão garantida! E os personagens a serem escolhidos para o combate incluem um acervo bem maior que o encontrado no modo história.

Todos Juntos….

Bob Esponja Calça Quadrada!
Bob Esponja Calça Quadrada!

Por fim, se você é fã do desenho, gosta de um jogo casual e descomplicado ou procura algo próprio para uma criança. SpongeBob SquarePants: Battle for Bikini Bottom – Rehydrated é uma ótima opção, além de estar custando metade do que jogos desse gênero costumam valer, logo temos aqui um excelente custo benefício. Ele é bonito, colorido e engraçado e se você não percebeu que toda a música de abertura foi cantada furtivamente nessa análise, só lamento.

Ígara Ferreira
Gamer desde sempre e Caçadora de Troféus faz uns bons anos, conhecida como laddyvalentine no Playstation e “a Monstra” no Youtube.