Já pensou como seria a sua vida se os dinossauros não tivessem sido extintos? Em ARK: Survival Evolved você pode ter uma ideia de como seria tentar sobreviver e conviver com dinossauros, desde os inofensivos e fofos dodô até o assustador Giganotossauro.

Na review de hoje irei falar principalmente sobre o jogo base. E com certeza farei um post especial para cada expansão, incluindo a expansão recém lançada ARK Genesis parte 2.

review-ark-survival-evolved-teoria-geek-marii.luques
Ficha Técnica
Desenvolvido por: Studio Wildcard, Instinct Games, Efecto Studios, Virtual Basement LLC
Publicado por: Studio Wildcard
Gênero:  Ação, Aventura, Sobrevivência, Sobrevivência em Mundo Aberto
Série: ARK
Lançamento: 2 de Junho de 2015 (acesso antecipado) / 27 de Agosto de 2017 lançamento oficial
Classificação indicativa: 14 anos
Modos: Um jogador e Multiplayer online
Disponível para: PC, Xbox, Playstation e Celular

 

ARK Survival Evolved é um jogo desenvolvido pela Studio Wildcard do gênero Ação-Aventura com um mapa de Mundo Aberto. Onde um dos objetivos é sobreviver num ecossistema onde você é apenas mais uma presa.

No dia 2 de Junho de 2015 o jogo foi lançado em acesso antecipado, sendo oficialmente lançado dois anos depois, no dia 27 de Agosto. E em 13 de Junho de 2018 foi lançada a versão para celulares gratuita. O jogo já vendeu mais de 5,5 milhões de cópias.

review-ark-survival-evolved-teoria-geek-marii-luques

Modos de Jogo

Os modos de jogo são maneiras diferentes de jogar Ark: Survival Evolved.

  • Player vs. Environment (Jogador contra Ambiente) ou somente PvE é um modo em que os jogadores não podem causar dano direto a outro jogador, e também não podem danificar dinos ou estruturas de outras tribos.
  • Player vs Player (Jogador contra Jogador) o conhecido PvP, nesse modo os jogadores podem causar danos ou matar uns aos outros, assim como danificar ou destruir os edifícios de outra tribo ou matar seus dinossauros.
  • PvX é exclusivo do ARK para celular, e combina o PvE e PvP em um único mapa.

review-ark-survival-evolved-teoria-geek-marii-luques

Mapas

  • The Island  foi o primeiro mapa lançado para ARK: Survival Evolved, pois veio junto com o jogo base em seu lançamento. É composto por várias regiões, diferenciando por climas e terrenos. Três grandes obeliscos formam um triângulo na Ilha.
  • The Center é uma DLC oficial gratuita com um mapa de expansão, lançada no dia 17 de maio de 2016 para ARK: Survival Evolved . E sua principal característica, uma ilha flutuando colossal, pode ser encontrada ao oeste do mapa cercado por pântanos traiçoeiros.
  • Ragnarok foi lançado em 12 de junho de 2017 como uma DLC gratuita, é um mapa lindíssimo que combina elementos do The Island e Scorched Earth, além de novos biomas, o que inclui um vulcão ativo.
  • Valguero é uma DLC oficial gratuita e foi lançada em 18 de junho de 2019, oferece uma nova experiência no universo ARK. Com oito biomas, chefes de masmorras desafiadores, ruínas misteriosas para descobrir e 3 criaturas exclusivas.
  • Crystal Isles originalmente desenvolvido por Isolde Gaming, Lillian e iSPEZZ. Anteriormente conhecido como ISO: Crystal Isles, é um clássico da comunidade ARK, e adicionado às redes de servidores oficiais da ARK, com lançamento no dia 11 de Junho de 2020.

review-ark-survival-evolved-teoria-geek-marii-luques

Pacotes de Expansões

  • Scorched Earth foi lançado em 1 de setembro de 2016, e traz 11 novas criaturas, mais de 50 novos itens, um novo chefe e um deserto com vários biomas estilizados como novo mapa.
  • Aberration  é um elaborado sistema de biomas subterrâneos. Com novos desafios para os sobreviventes como radiação solar extrema e seus riscos ambientais e os “Desconhecidos”. Foi lançado em 12 de Dezembro de 2017.
  • Extinction desafia os sobreviventes a derrotar os gigantescos Titãs que vagam e dominam o planeta. Lançada em 6 de Novembro de 2018.
  • Genesis conclui a história de ARK, e foi dividida em duas partes. A parte um foi lançada em 8 de Agosto de 2019 e a parte dois foi lançada dia 03 de Junho de 2021.

review-ark-survival-evolved-teoria-geek-marii-luques

Conversão Total

Essa palavra é usada quando mods substituem itens do jogo base, criando um novo mundo. Por exemplo, se ARK fosse na Grécia Antiga, as criaturas mitológicas seriam os dinossauros.

  • Primal Survivor era planejado para ser lançado em Fevereiro de 2017, mas atualmente está sem data prevista de lançamento. Neste modo os jogadores poderão jogar como uma criatura.
  • Primitive + aprimora a jogabilidade de servidores primitivos, adicionando novas mecânicas de jogo e itens. Inicialmente adicionado ao Steam Workshop como um mod criado pelo usuário complexminded, e oficialmente lançado em 28 de julho de 2016 para a versão PC.
  • Survival of the Fittest é um spin-off do ARK com o modo Multiplayer Online Survival Arena (MOSA). Seu objetivo é ser o último a sobreviver matando os outros competidores. Em setembro de 2016, o Studio Wildcard parou de desenvolver e apoiar ativamente o modo e em julho de 2017, Jeremy disse que o Wildcard queria concentrar seus esforços no jogo principal.

trike

Personagem

Assim que você decide se vai jogar no modo solo ou no multiplayer, você precisa criar o seu sobrevivente. Durante essa etapa, se você for detalhista, existe uma grande variedade de coisas que você pode modificar em seu personagem.

Após a criação e escolha do nome do seu sobrevivente, você precisará escolher a região do mapa em que deseja ”nascer”. E por experiência própria, escolha sempre a região ”easy”. Pois assim, na grande maioria das vezes, você dará sorte e durará mais dias – rs.

 review-ark-survival-evolved-teoria-geek-marii-luques

Jogabilidade

Como é esperado de um jogo de sobrevivência temos alguns pontos que precisamos nos preocupar tais como: Fome, Sede, Temperatura Vida, Energia e o Entorpecimento.

O seu sobrevivente poderá se alimentar de carnes tanto de peixes como dos dinossauros que você matará no decorrer do jogo. É possível também ter uma dieta vegetariana, com um cardápio de frutas e vegetais. Cuidado com a frutinha preta, narcoberry, esta aumentará o seu entorpecimento, que deixará você inconsciente até que a barra volte para zero.

Inicialmente você pode ficar confuso mas não se desespere e seja perseverante.

Mesmo jogando em PC o jogo possui compatibilidade total com controle, o que é uma mão na roda para quem tem essa preferência. Caso não use controles, os comandos são todos feitos pelo teclado, o controle da câmera e ações é utilizado o mouse.

review-ark-survival-evolved-teoria-geek-marii-luques

Dinossauros

Nos primeiros dias é um pouco complicado sobreviver, mas a partir do momento que achamos um local e construímos nosso primeiro lar, o que pode ser difícil em servidores oficiais PvE, as coisas começam a avançar.

Os dinos tem um papel fundamental para a sobrevivência em ARK, seja para lutar com outros dinossauros ou os boss, como também para ajudar com a coleta de recursos pelo mapa.

Quase todas as criaturas de ARK: Survival Evolved podem ser domesticadas e o modo é praticamente sempre o mesmo, você desmaia a criatura e alimenta com a comida favorita dela, até que a barra seja completa.

Uma coisa que eu achei incrível desde o primeiro dia que joguei, são as notas de explorador e os dossiês sobre os dinossauros. Que vão nos contando aos poucos a história. review-ark-survival-evolved-teoria-geek-marii-luques

Pontos Positivos

  • Dinossauro sempre é um ponto positivo rs;
  • Os gráficos são lindos;
  • A trilha sonora deixa o jogo bem imersivo; e foi criada por Gareth Coker;
  • O fator desafio do jogo é enorme já que a cada dlc, paga ou não, incluí novas criaturas e notas de explorador para encontrar;
  • Você pode jogar com seus amigos e formar uma tribo, e juntos conquistar o ARK.

Pontos Negativos

  • O tempo em jogo é tempo real, ou seja você vai precisar de um bom tempo livre se quiser uma boa evolução em servidores oficiais;
  • Os servidores oficiais têm constantes lags, o que é muito irritante
  • Mesmo em servidores PvE suas construções podem ser demolidas caso você fique offline por um determinado tempo;
  • Os gráficos são demais, mas mesmo depois de vários anos de lançamento ainda é mal otimizado, já melhorou muito, porém ainda é considerado um jogo pesado.

ARK: Survival Evolved: Vale a pena?

Com certeza, e caso você seja admirador de dinossauros e amar um bom desafio, Ark definitivamente é um jogo que você precisa ter.

Pois além de existir 32 conquistas para alcançar, o jogo ainda conta com uma comunidade ativa e bem receptiva. Sempre existe espaço para mais um sobrevivente!

Requisitos Mínimos de Sistema (Windows)
Sistema Operacional:  Windows 7/8.1/10 (64-bit)
Processador: Intel Core i5-2400/AMD FX-8320 ou superior
Memória: 8 GB de RAM
Placa de Vídeo: NVIDIA GTX 670 2GB/AMD Radeon HD 7870 2GB ou superior
DirectX:  Versão 10
Armazenamento: 60 GB de espaço disponível

 

Acompanhe mais sobre ARK: Survival Evolved

Gosta de ler sobre games? Então confira a Review do Jogo Total War: Rome Remastered aqui.