Olá, amigos! Hoje eu trago minha primeira matéria, fazendo um review de Devil May Cry 5, será que ele está no mesmo patamar dos últimos jogos da empresa?

FICHA TÉCNICA

Gênero: Ação e Aventura com Hack and Slash

Modos de jogo: Single-Player com elementos de multiplayer co-op

Desenvolvido por: Capcom

Publicado por: Capcom

Plataformas: PlayStation 4, Xbox One e PC

Lançado em: 8 de março, 2019

SINOPSE

A história se passa cinco anos após os eventos de Devil May Cry 4, com Nero montando sua própria agência de caça a demônios baseada em uma van adornada com um letreiro em neon de “Devil May Cry” que Dante deu a ele com apoio de Kyrie e sua engenheira, Nico. Mas em 30 de abril, Nero encontra um demônio agonizando que arranca seu braço, Devil Bringer e o transforma no Devil Arm Yamato para abrir um portal para escapar. Poucos dias depois, um homem conhecido como “V” chega ao escritório do Devil May Cry a fim de contratar Dante, Lady e Trish para matar um certo demônio retornado

 

PONTOS POSITIVOS

 

Jogabilidade

No geral, a franquia sempre foi ótima na jogabilidade e em cada jogo ela foi sendo aperfeiçoada. No 5, acredito que eles tenham chego ao seu auge! Esse elemento é extremamente bem feito, gostoso de se jogar e muito fluído. Nunca me senti cansado jogando, Sempre estava ansioso pra lutar utilizando quaisquer dos três personagens.

Personagens

Nesse game temos diversos personagens ÓTIMOS, porém eu quero destacar os 3 jogáveis: O misterioso V, Nero e o Dante. Os três foram extremamente desenvolvidos no game, com destaque para o Nero, que não era um personagem tão bom no Devil May Cry 4 (não estou dizendo que ele era ruim, mas poderia ter sido bem melhor desenvolvido em minha opinião). No DMC4, Nero era um jovem bem nervosinho, e nesse game ele é uma pessoa mais brincalhona. Tendo uma química com a Nico MUITO legal, eles estão sempre se zoando e isso é incrível. Por mim, Nero é o melhor personagem do jogo disparado. Mas claro, V e o Dante são INCRÍVEIS.

Gráficos

A partir do Resident Evil 7, a Capcom passou a usar um motor gráfico entitulado “RE Engine” que utiliza fotorrealismo em seus games. Que deixa o gráfico MUITO lindo e realista. (Esse motor gráfico foi usado em Resident Evil 7, Resident Evil 2 Remake e Devil May Cry 5) com esse motor, as expressões facias, cabelos, roupas, cidades, etc.beiram a perfeição, de tão ABSURDO que é o nível de qualidade. DMC5 não tem um mundo ao seu redor tão detalhado como o Resident Evil 2 Remake mas isso não torna o game mais “Feio”, na verdade acho que ambos acertam em seus devidos pontos nesse quesito.

História

De longe, esse foi o ponto que mais me impressionou no game. A história é ESPETACULAR, ela te prende incrivelmente, em momento algum ela perde o pique. E tem DIVERSAS reviravoltas que deixam até mesmo quem nunca jogou um game da franquia de boca aberta! (Lembrando que caso você não tenha jogado nenhum, tem um resumo da saga dentro do game que te explica todos os acontecimentos em ordem cronológica, no caso: 3, 1, 2, 4 e 5)

Devil Breakers

Como nesse game o Nero não tem um Devil Trigger (isso não é spoiler, faz parte da sinopse) a Nico desenvolve diversos tipos de braços “mecânicos” para Nero, e cada um tem uma habilidade própria, e é incrível! Isso traz uma variedade absurda ao gameplay, e torna extremamente divertido! Com direito a: Surfar em cima de um braço foguete enquanto ataca seus inimigos! (Lembrando que caso você tenha a Deluxe, poderá usar o BUSTER do Mega Man)

Trilha Sonora

Não é de hoje que essa franquia tem uma trilha sonora espetacular! Mas Devil May Cry 5 tem uma incrível! Com músicas ótimos, bem “frenéticas” e com momentos de arrepiar. Recomendo que escute as músicas, não irá se arrepender!

 

PONTOS NEGATIVOS

 

Loadings

Não entendo o motivo dos loadings serem relativamente lentos nesse game, pois o gráfico não usufrui totalmente da RE Engine. Resident Evil 2 Remake que utiliza mais desse gráfico ainda sim tem loadings mais rápidos. De qualquer maneira, esse ponto não te afeta tanto pois não é algo que beira o ridículo, só é chato em determinados momentos.

A falta de variedade nos cenários

Isso é algo que me decepcionou, não vou mentir. Os cenários desse jogo não tem grandes variedades, e posso dizer que são genéricos em diversos momentos. Isso é algo que entristece fãs da saga, pois a franquia sempre foi rica em seus cenários ao meu ver. Acho que a Capcom poderia ter se esforçado mais nesse quesito.

CONCLUSÃO: Devil May Cry 5 é um jogo espetacular, e pra mim já é o melhor do ano. Seus pouquíssimos problemas não estragam seu gameplay. A história é ótima, tudo nele é incrível. Sem sombra de dúvidas, você DEVE jogar Devil May Cry 5

NOTA FINAL: 9,5 

Espero que tenham gostado de minha review, sou novo nesse site e essa é minha primeira matéria.

Caso eu tenha despertado seu interesse pelo game, confira o trailer:

//www.youtube.com/watch?v=KMSGj9Y2T9Q