Olá leitores do Teoria Geek, tudo bem com vocês? espero que sim… Hoje trazendo mais um clássico dos anos 80, e que muitas pessoas devem lembrar, principalmente se tratando de sessão da tarde. Sem mais demora, vamos ao filme.

Gary e Wyatt são dois típicos nerds. E querem o que todo menino de 16 anos quer: amigos, popularidade, ir bem na escola. Ahn… nada disso. Eles querem mesmo é conhecer garotas. Mas, como bons nerds, não são muito bons nisso (afinal, não é desses sujeitos tímidos e desajeitados que todas as comédias românticas de adolescentes são feitas? O que seria da gente sem eles? Mesmo com todos os clichês possíveis rs).

 

Um dia, vendo um filme de “Frankestein”, eles têm a “brilhante” idéia: já que não conseguimos sozinhos, porque não criar uma personal-mulher-perfeita?! Para isso, eles usam vários recortes de revista de mulher pelada e fotos que encontram em sites na internet pré-histórica que já existia na época. Eles colocam os dados no computador de Wyatt (um Memotech MTX512), e… a geringonça (hoje seria peça de museu!) começa a fazer uns barulhos estranhos, parece que sofre um curto-circuito. De repente, a porta do banheiro começa a tremer e explode. Através de uma fumaça iluminada de rosa, eles vêem… Kelly LeBrock (Lisa, no filme). Eles conseguiram! ( Adoro a magia do cinema hahaha )

E a mulher nota 1000 é muito mais do que o que eles esperavam: além de lindona (bocão, pernão, peitos e… ahn, um cabelo gigantesco, moda na época ), ela é esperta e muito bacana. Logo consegue transformar os garotos em super-populares e os ajuda a conquistar as garotas de seus sonhos.

O filme é mais um da produção de John Hughes, o mestre dos filmes para adolescente dos anos 80 (onde você já viu esse nome? Em Curtindo a Vida Adoidado, Garota de Rosa Choque, Clube dos Cinco…). Os filmes de Hughes costumam ter vários elementos em comum: a cidade de Shermer, Illinois é palco para grande parte das histórias. A escola secundária “Shermer High School”, em que estudam Gary e Wyatt, é a mesma de “Clube dos Cinco”, claro! vou escrever sobre eles em breve aqui para vocês, tal diretor influenciou o bastante no roteiro do filme Homem Aranha de Volta ao Lar, pois o diretor do filme do Cabeça de Teia, Jon Watts, é um grande fã dos filmes de John Hughes.

Gosto como o John Hughes dirige seus filmes e gosto como ele tem uma visão muito interessante sobre os jovens, a direção funciona muito bem, com movimentos de câmera e estilos que já são clássicos do diretor e que caem muito bem. Uma coisa que eu gosto desse filme é a sua mensagem, que é outro ponto forte do diretor e roteirista John Hughes, todos os seus filmes parecem que não estão falando nada, mas no fim tem uma mensagem muito interessante e muito importante e, nesse filme, não foi diferente.
O ritmo do filme é muito bom, mesmo acontecendo muitas coisas, nada é muito corrido e nada muito arrastado, o filme é bem equilibrado.
Outro acerto é a trilha sonora do filme, eu gosto bastante das músicas que tocam e, principalmente, a que acabou virando uma música marcante e que combina muito com o filme.

As atuações na minha opinião são legais, não deixam a desejar e entregam beo o prometido.

Eu gosto desse filme, ele não é o melhor filme do mundo, mas continua sendo um filme muito divertido de se ver, um filme que poderia ter ficado muito pior considerando que ele é de 1985, mas, continua muito bem feito, o ritmo dele continua muito bom, é um clássico que, acredito que se, por algum acaso, você não viu, deveria ver. Então recomendo Mulher Nota 1000, só tente ver algumas coisas com a visão da época, pois, algumas piadas ou situações que eram aceitas na época, hoje não são tão bem recebidas,  isso não vai estragar o filme, mas, se entender a época que o filme se passa você vai aproveitar bem mais, o filme envelheceu muito bem, levando em consideração muita coisa, algo que acontece com muitos filmes, era bom em uma época, mas ele vai ficando pior ao longo do tempo.

Com toda a certeza vale a pena ver de novo, e se não viu, assista! você vai se divertir.
Até a próxima.

TRAILER:

//youtu.be/-rvqwjA1xSM

Geek Sound:

//youtu.be/EgKczdKdnKM