Em clima de contagem regressiva para 2ª temporada de High School Musical: O Musical: A Série, que estreia na Disney+ dia 14 de maio, hoje falarei sobre a 1ª temporada da série. Se você já é fã da história, fique aqui para relembrarmos juntos. E se você ainda não conhece, me dê a oportunidade de te mostrar o quanto o novo elenco honrou a nossa inesquecível trilogia de filmes High School Musical.

Sim, a 1ª temporada é de fato uma homenagem a todo legado de Troy, Gabriella, Sharpay, Chad, Ryan, Taylor, Kelsi e todos os outros incríveis e eternos Wildcats. Com uma narrativa um pouco diferente (mas muito interessante) da dos filmes, um elenco de peso e com grande representatividade, adaptações e novas versões de músicas, High School Musical: O Musical: A Série aquece o coração daqueles que já eram fãs da história, mas também pode ser vista de forma independente, pois mesmo com muitas referências, a série traz uma história original sobre novos e encantadores personagens.

Ficha Técnica
Título: High School Musical: The Musical: The Series
Ano de Produção: 2019
Dirigido Por: Tim Federle, Oliver Goldstick
Estreia: 12 de novembro de 2019
Duração: 10 episódios de 35 minutos em média
Classificação: Livre
Gênero: Comédia, Romance, Musical
País de Origem: EUA
Sinopse: Um grupo de estudantes do colégio East High trabalha em conjunto para preparar e encenar uma produção teatral de inverno baseada nos filmes High School Musical. De acordo com o passar dos dias, eles percebem que o drama não existe apenas no palco, mas também nos bastidores dele.

Os novos Wildcats são melhores?

Na maior parte das vezes, quando é divulgada  a notícia de que um filme ou série ganhará uma nova versão, o primeiro impulso do público é ser negativo e ir em busca de uma comparação. Por isso, recomendo que, quando você der o play em High School Musical: O Musical: A Série, deixe esse pensamento de lado. A história da série é sim diferente do que vimos nos filmes, assim como os personagens, mas que bom que podemos ver uma versão tão boa quanto e ainda matar a saudade dos incríveis cenários memoráveis da East High School, não é?

“Seria loucura pensar que eu teria chance de conseguir interpretar a Gabriella”

Não é nenhuma novidade que eu sou um pouquinho (quase nada) apaixonada pela Olivia Rodrigo: uma atriz e cantora fantástica, que deu vida a personagem Nini, uma menina muito fofa e insegura, que não tem a mínima noção do seu talento. Nini teve uma recente decepção amorosa com Ricky (Joshua Bassett) e durante suas férias teve a oportunidade de se conectar com E.J. (Matt Cornett), um namorado incentivador, parceiro e também muito talentoso.

Com a chegada de Miss Jenn (Kate Reinders), a nova (e muito carismática) professora de teatro, a oportunidade de um musical surge na vida dos estudantes. Nini e E.J já estão prontos para as audições, onde Nini acaba sendo convencida de que tem total capacidade de interpretar Gabriella. Já Ricky, ainda não se convenceu de ter perdido Nini para sempre, e resolve participar do musical para chamar a atenção dela.

Ricky, Nini e E.J - High School Musical: The Musical: The Series – 1ª Temporada

Um elenco talentoso e personagens com representatividade

Poderia ficar aqui horas citando o carisma dos personagens e o talento dos atores, mas vou deixar que vocês entendam do que estou falando ao assistirem a série. Porém, é claro que eu não poderia deixar de comentar pontos que me chamaram muito atenção na história de cada um deles.

Como disse anteriormente, os personagens não são uma cópia do elenco dos filmes, e isso é muito bom. Não vou negar que, fiquei esperando uma Sharpay Evans 2.0, mas, entendi que não casaria com a proposta da série.

Sharpay teve seu legado, incrível por sinal, mas High School Musical: O Musical: A Série dá espaço para uma nova história contada pela personagem Gina (Sofia Wylie), que apesar de querer muito o papel da Gabriella e tentar sabotar Nini em alguns momentos, entende através das suas atitudes que a escola é composta por mulheres fortes, e que tem espaço para todas. E sim: eu simplesmente amei que a série não incentivou a rivalidade feminina.

O fato de Nini ter duas mães e isso ser retratado de forma natural na série, ganhou meu coração. Assim como Sharpay ser interpretada por um personagem gay e o relacionamento entre 2 homens (vou deixar que vocês descubram quem são, porque é um desenvolvimento bem legal) ter sido abordado sem rótulos, ganhou meu coração também.

High School Musical: The Musical: The Series - 1ª temporada

“Eu não detesto musicais. Só acho meio zoado quando as pessoas começam uma música do nada no meio da rua”

Sem sombra de dúvidas, fazer piadas e modernizar tudo que vimos nos filmes é um ponto muito forte de High School Musical: O Musical: A Série, somado com uso da quebra da quarta parede, a série consegue manter o telespectador atento e interessado.

Em muitos momentos tive a impressão de que os personagens estavam gravando algum tipo de documentário/conteúdo para a escola e não estavam se dirigindo diretamente ao telespectador, mas isso não foi confirmado, é apenas uma teoria pessoal de algo que talvez possa ser explicado na 2ª temporada.

A narrativa é muito divertida e interessante, mas acredito que faltou explorar um pouquinho mais do lado musical. Senti falta de apresentações mais elaboradas e situações típicas de obras nesse gênero, como começar a cantar do nada, no meio da rua. Mas acredito (e espero) que isso será mostrado de uma forma mais original na 2ª temporada, visto que na 1ª temporada o maior espetáculo é uma homenagem retratando situações dos filmes.

High School Musical: The Musical: The Series – 1ª Temporada

“And now looking in your eyes I feel in my heart the start of something new 🎤”

High School Musical: O Musical: A Série é um misto de nostalgia com originalidade e a trilha sonora da série pode provar isso. Temos a oportunidade de ouvir as músicas que já amamos em novas versões impecáveis, assim como músicas inéditas que merecem muito destaque.

Uma série que saiu da zona de conforto e deu vida a uma história nostálgica e original

A 1ª temporada de High School Musical: O Musical: A Série nos apresentou personagens cativantes que dão vida a uma história original, situada na já conhecida East High School, sem deixar de lado todo o legado dos Wildcats. A releitura dessa história conta com referências e homenagens, além de duas participações especiais do elenco original, agradando assim todos os fãs dos filmes, mas também abrindo portas para um público novo.

Não cabe uma comparação do que é melhor ou pior, afinal, a série com certeza não teve esse objetivo. Mas cabe uma maratona para matar a saudade das músicas e dos cenários de High School Musical e ainda ter a oportunidade conhecer novas vozes e personalidades.

E se você maratonar a série em menos de um dia assim como eu, não fique triste: a 2ª temporada já está chegando e promete ser incrível.