E vamos lá para mais um derivado da franquia invocação do mal, se vale a pena, vamos descobrir.

Ficha Técnica:
Data de lançamento: 18 de abril de 2019 (1h 34min)
Direção: Michael Chaves
Elenco: Linda Cardellini, Raymond Cruz, Patricia Velasquezmais
Gênero: Terror
Nacionalidade: EUA

Sinopse: Na Los Angeles da década de 1970, uma assistente social criando seus dois filhos sozinha depois de ser deixada viúva começa a ver semelhanças entre um caso que está investigando e a entidade sobrenatural La Llorona. A lenda conta que, em vida, La Llorona afogou seus filhos e depois se jogou no rio, se debulhando em lágrimas. Agora ela chora eternamente, capturando outras crianças para substituir os filhos.

A Maldição da Chorona é inspirado em uma lenda mexicana de uma mulher que descobre a traição do marido e acaba afogando os dois filhos, como uma forma de puni-lo. Arrependida, ela se joga no mesmo rio e passa a assombrar a vida de famílias/crianças para substituir seus filhos.  Com essa história de pano de fundo, os roteiristas Mikki Daughtry e Tobias Iaconis impõem uma narrativa interessante no primeiro ato, mas trabalham de forma rasa na história e  em seus personagens centrais, que poderiam ser muito mais intrigantes e bem desenvolvidos. O destaque fica para Linda Cardellini (Vingadores: Era de Ultron), que consegue passar todo pavor de sua personagem e entrega mais do que o roteiro tem a oferecer.

A Maldição da Chorona, vai pouco além de uma combinação de cenas de terror e sustos repentinos, daqueles bem previsíveis e que cheiram à já citada fórmula da franquia Invocação do Mal.

Quem for assistir ao filme, prepare-se para, muitos clichês, jumpscares até você dizer chega, e personagens extremamente burros, e além de todos esses problemas, o velho alívio cômico presente após as cenas “assustadoras”, com certeza um dos aspectos mais negativos do filme, trilha sonora genérica e efeitos que muitas vezes deixam a desejar completam essa ” maravilha”

Existem momentos de respiro, como referências claras a outros clássicos do terror e, principalmente, a atuação das crianças, mas nada que possa dizer animador para fazer você ir ao cinema.

Acredito que se você vai atrás de um bom filme de terror, esse não é o caso, tão pouco vale a pena sair de casa para assistir.