Hiro nasceu para pilotar um FranXX. Os FranXX são robôs criados para proteger a humanidade. Para pilota-lDarlin in the FranXXos, são necessárias 2 pessoas, um garoto e uma garota. Chamados de parasitas, as crianças criadas para pilotar não tem outra escolha. Porém Hiro, apesar de sentir que nasceu para a tarefa, não consegue.

Ficha técnica:

Episódios: 24

Temporada: 1

Genero: Mecha, ficção cientifica, drama e romance

Lançamento: 2018

Sinopse: Com recursos escassos e sendo ameaçados pelos perigosos Urrossauros, a humanidade criou latifúndios para se proteger. Em cada latifúndio há um esquadrão de crianças para proteger os adultos. Chamados de parasitas, essas crianças devem pilotar robôs e, assim como nós, isso é tudo que elas sabem.

Apesar de ser considerado uma criança de alto nível, Hiro não consegue pilotar um FranXX. Por causa disso, ele começa a se isolar e pensa até em desistir. Antes que ele tomasse uma decisão sem volta, ele se depara com Zero Two, a parasita mais problemática disponível.

Darling in the FranXX Zero TwoZero Two é conhecida como assassina de parceiros, a lenda diz que ninguém consegue pilotar mais de três vezes com ela. O motivo de Zero Two ser tão perigosa é que ela tem sangue de Urrossauro, ou seja, não é humana. Apesar disso, após descobrir que só consegue pilotar com ela, Hiro insiste em ser seu parceiro.

Os FranXX são usados para combater os Urrossauro e Zero Two é particularmente viciada em mata-los. Agora Hiro terá que convencer não só o comando, mas sua equipe de que é vantajoso ter ela por perto. Infelizmente, a atitude agressiva dela em batalha não irá ajuda-lo.

Darling in the FranXX acaba te prendendo em meio ao mistério das crianças e as lutas delas pela sobrevivência. Além dos dois protagonistas com passados curiosos, contamos com todo um esquadrão com personalidades diferentes para explorar.  Muito além de apenas um anime de Mecha, sua história é feita para rir e chorar.

Trailer:

//www.youtube.com/watch?v=4zJZOSwmvUk