The Rain é uma série que assisti recentemente e particulamente eu amei muito a temática, ela trás um pouco daquela pegada meio The 100 ou The Mist, onde basicamente algum evento natural acontecendo colocará em risco a vida das pessoas que vivem em determinado local.

Como o próprio nome já diz, o que colocará as pessoas em perigo será uma chuva, que trás consigo um vírus mortal matando todos que entram em contato com ela.

Agora vejamos, o que eu achei da série, confesso que no primeiro episódio eu não me empolguei muito, acho que faltou uma historinha antes de toda tragédia começar ocorrer, algo para a gente se apegar antes de tudo, ou seja, tudo acontece muito rápido, mas foi apenas um impasse do primeiro episódio, do segundo em diante eu comecei a gostar muito da série.

Falando um pouco dos personagens, primeiro nós temos a Simone, uma das heroínas da série, que com o sumiço do pai e a tragédia que houve com a mãe, sobra somente para ela fazer o papel da adulta (pois ainda era uma adolescente) e cuidar do seu irmãozinho, Rasmus, seu dever além de manter seu irmão em segurança, também será encontrar o pai em busca de respostas.

Simone e Rasmus ficam em uma espécie de bunker durante 6 anos para se protegerem da chuva e manterem-se em segurança, Rasmus praticamente viveu a vida toda ali, até que a comida começa a acabar e simone sai atrás de uma solução, porém o que encontra é exatamente nada, eles estão sozinhos e não há mais ninguém. Logo após a busca por um novo refúgio, um grupo encontrou os dois irmãos e os forçaram a sair de seu bunker, mantendo-os também presos, eu não quero dar Spoilers, apenas dizer que é o grupo que vai acolher os dois irmãos e além disso, vão virar quase uma família buscando juntos um meio de sobreviver à aquele caos e buscarem uma salvação.

Agora falando sobre mais um personagem, o Martin, um cara que parece o chefão do grupo, o mais durão, mas são só aparências, ao longo da série ele se apega muito a todos do grupo, e busca sempre manter todos em segurança, e para quem gosta de “shippar” personagens, vocês podem escolher se vão shippar ele com a Simone ou com a Beatrice, outra integrante do grupo.

A série tem um começo um pouco chato, como eu disse, sem emoção, até que começa a sua melhora e você se apega mais aos personagens, porém, mais uma opinião minha sobre isso é que a série poderia ter mais ação, que fizesse quem assiste ficar mais “vidrado”, como tendo como tema algo apocalíptico, ela foi lançada no dia 04 de maio (2018) na Netflix e está sem data prevista para 2° temporada, se caso for renovada, acredito que seja lançada em 2019 (espero ansiosamente que sim), ressaltando também que a série tem como país de origem a Dinamarca.

Bom é isso, espero que vocês tenham gostado e que possam também assistir essa série que conta com apenas 8 episódios por enquanto 😉