Olá leitores do Teoria Geek, trazendo para vocês mais uma entrevista, agora com Wvertson Levy, Wes para os mais íntimos. Wes é o criador e responsável pelo canal no Youtube CineMania – Terror & Reviews.

Teoria Geek: Primeiramente, por favor, se apresente e nos conte um pouco sobre você.

Wes:

Olá, eu sou Wes do canal CineMania – Terror & Reviews. Sou um grande apaixonado pela sétima arte, o cinema, e desde muito cedo meu gênero favorito foi o Terror. Obviamente o Suspense, Slasher, Trash, Psicológico, Sobrenatural, Gore principalmente, e outros subgêneros vieram junto e acabaram me marcando também.

Teoria Geek: Como surgiu o seu gosto pessoal pelo gênero?

Wes:

Surgiu ainda criança acredite ou não, eu deveria ter uns 4 anos de idade. O Primeiro terror que assisti foi A Hora do Pesadelo 5 e como aquele tipo de filme não era pra mim, acabei não entendendo nem a história muito menos o personagem, mas alguma coisa me chamava atenção. Um tempo depois aluguei em uma locadora um filme (totalmente desconhecido) chamado MosquitoMan (2005), era um Gore péssimo e mal feito, porém pesadíssimo com sangue e mortes pra todos os lados, não odiei mas sim me interessei por mais daquele estilo. Dai conheci Premonição, Jogos Mortais e quando percebi essas coisas já tinham feito a minha cabeça!

Teoria Geek: Como surgiu a ideia de criar o canal? E como avalia a sua experiencia com ele?

Wes:

O CineMania surgiu em 2014 com a ideia de simplesmente abordar certa franquia de filmes e fazer uma crítica sobre ela (sim, eu estava sem nada pra fazer). Os primeiros vídeos eram ruins e minha voz parecia de uma menina com gripe. ainda bem que com o tempo foi melhorando. No começo eu falava de todos os gêneros mas logo percebi que 90% do conteúdo do canal era sobre filmes terror, então o fiz abraçar o nicho de vez. Além de falar sobre os longas que curto desde sempre, me desafiei a ir além, e criar um conteúdo mais aprofundado e que só os apaixonados pelo assunto iriam entender. Daí surgiram as benditas teorias. Minha experiência com o canal só me trouxe felicidade e diversão mesmo.

Teoria Geek: O que acha do cenário atual no gênero terror/horror? 

Wes:

Não está em sua melhor fase. Existem os Mainstreams, como Invocação do mal, Annabelle e variações, que na minha opinião abusam dos efeitos especiais e jumpscares, são muito clichês e etc… mas existem os ”Post-Horror”, filmes que trabalham roteiro, atuação e a tensão de maneira genial. Começou com A Bruxa, depois Ao cair da Noite e vários outros seguiram a linha. Eu fico do lado dos Post-Horror.

Teoria Geek: Qual o último filme que tenha assistido e saído totalmente satisfeito no gênero Terror/horror?

Wes:

Um que me deixou completamente satisfeito foi Hereditário, um exemplo de filme focado em personagens, focado em um enredo convincente e angustiante. Muito bom.

Teoria Geek: Gostaria de ver tal gênero mais trabalhado no Brasil, com mais investimentos?

Wes:

Com certeza, levado a sério. Com atores de alto nível, um bom orçamento e principalmente um enredo bem trabalhado. Afinal, o Brasil tem muitos talentos pra fazer um terror bacana, só falta a coragem.

Teoria Geek: O que espera da nova sequencia de Halloween?

Wes:

Tomara que seja incrível, afinal não é sempre que vemos Michael Myers, um dos maiores ícones da cultura pop, em uma tela de cinema. Mas torço pra que seja um sucesso ao ponto de termos as outras franquias como A Hora do Pesadelo e Sexta-Feira 13 de volta. Halloween vai funcionar como um sinal verde pra tudo isso.

Teoria Geek: Qual a sua opinião sobre os remakes? Indicaria algum?

Wes:

Remakes são discutíveis. Alguns são caça-níquel, outros são realmente bem feitos. Cada caso é um caso. Eu recomendaria Viajem Maldita (2006). Remake de Quadrilha de Sádicos (1977) que pasmem, acho superior ao original de tão bom.

Teoria Geek: E sobre as séries de terror/horror, assistiu ou acompanha alguma? Se sim, qual indica?

Wes:

Não acompanho muitas por falta de tempo. Vou chover no molhado recomendando a primeira temporada de Supernatural (quando era terror e não galhofa), e Bates Motel. Porém uma muito boa, que saiu de 2005 a 2007, chamada Mestres do Terror, traz os maiores diretores do gênero pra criar uma antologia. Cada episódio é dirigido por um diretor diferente e tem uma história diferente. Caras como Tobe Hooper, John Carpenter, Takashi Miike, Tom Holland e outros. Se você é fã de terror vale a pena.

Teoria Geek: Mudando um pouco de assunto, joga video game? Se sim, o que tem jogado ultimamente?

Wes:

Meu gênero de jogos favorito é o Survivor Horror (como já era esperado haha). Recentemente joguei Resident Evil 7 e The Evil Within 2. Assim como os filmes, gosto de jogos com uma história envolvente.

Teoria Geek: Agora algumas perguntas no estilo “responda rápido”:

Um filme marcante?

Wes: Sinais, de 2002.

Banda favorita?

Wes: Evanescence.

Não pode faltar em um filme de terror?

Wes: Adolescentes retardados, claro.

Terror década de 80 ou atual?

Wes: Década de 80.

Filmagem tradicional ou Found Footage?

Wes: Found Footage.

Jason ou Freddy?

Wes: Freddy Krueger, afinal foi criado por um gênio.

Exorcista ou Iluminado?

Wes: Exorcista.

Bruxa de Blair ou REC?

Wes: REC.

A Freira ou Hereditário?

Wes: Hereditário.

Bem, essa foi nossa entrevista com Wes, espero que tenham curtido. Não esqueçam de visitar o Wes em suas mídias sociais e conferir os ótimos conteúdos do CineMania. Até a próxima entrevista!
Wes/CineMania: