Shingeki no Kyojin é um anime e mangá shounen muito conhecido, com isso a expectativa para sua terceira temporada é enorme. Ele é o mais aguardado dessa season por quase 100% dos amantes do gênero, porém não agrada apenas a eles. A temática diferente do comum chama muita atenção e desperta um certo interesse de todos, o que foi um dos motivos de tamanho sucesso mas obviamente não o único.

O enredo do anime é sobre um mundo onde titãs existem e para se proteger deles os humanos constroem muros. Existem três muros que protegem a civilização dos titãs, a muralha Maria é a primeira, Rose é a segunda e Sina é a terceira e ultima. Infelizmente o inimigo é muito forte então quase todas as pessoas acabam presas lá dentro, pois os únicos autorizados a sair e lutar são as tropas de exploração.

No inicio da primeira temporada vemos o começo do drama que será a base do anime, isso é, assistimos aos titãs invadindo o que seria a ultima colônia humana na terra. A primeira muralha é destruída e com isso o risco do fim da raça humana aumenta, então todos acabam recuando para a segunda muralha para se proteger. Com a invasão da muralha Maria, varias pessoas são mortas e o personagem principal Eren Yeager e sua “irmã” Mikasa veem a mãe ser comida por um titã, isso faz com que o menino queira se vingar, para ele isso significa matar todos os titãs. Nos próximos episódios vemos Yeager entrar para a tropa de reconhecimento e lutar contra titãs. As lutas são emocionantes e épicas, além disso é um anime onde acontecem varias mortes, então não espere que um personagem dure por vários episódios. Vemos muito sangue, pessoas sendo comidas vivas, decapitadas ou morrerem de outras formas cruéis, o que pode ser um pouco perturbador para alguns. A historia sempre tenta passar uma ideia de vida difícil, afinal os humanos estão em constante perigo de serem dizimados.

No final da primeira temporada não recebemos explicações do porquê de algumas coisas, como por exemplo a origem de todos os titãs, o que deixa muitos questionamentos, porém é um pouco compreensível, afinal é uma forma de instigar a audiência a continuar acompanhando e inclusive esse é um dos maiores mistérios mantidos pela história de Shingeki no Kyojin. Durante a segunda temporada recebemos mais algumas explicações, porém mesmo assim ainda não se sabe exatamente tudo sobre a origem dos titãs, porém descobrimos que eles vem de alguma cidade fora das muralhas. O foco da segunda temporada é o enigma que existe em volta dos titãs, fora isso vemos Eren sendo o alvo principal de várias tentativas de sequestros, não contarei quem tenta leva-lo mas posso adiantar que lhe deixara surpreso. Quanto aos combates, eles não ficaram menos emocionantes, pelo contrario, só melhoram e as coisas ficam sempre mais interessantes, sempre aparece algo que torna cada luta marcante do seu próprio jeito, além disso vemos a volta dos titãs colossal e do encouraçado.

Na minha opinião a segunda temporada superou a primeira, pois ver um pouco do mistério sendo resolvido foi maravilhoso mas talvez a forma como tudo aconteceu não agrade a todos, porém mesmo assim é preciso admitir que o anime tomou um rumo inesperado, o que pode ser bom.

A terceira temporada de Attack on Titan começou esse ano e o hype como sempre é enorme, porém não é possível prever se ao final ela agradará à maioria das pessoas baseado nos dois episódios lançados até o momento. Logo no primeiro episódio vemos Eren Yeager e seus companheiros reunidos em uma casa, acabamos pensando que será um episódio parado que contará um pouco sobre o dia-a-dia como acontece no manga, porém decidiram adiantar um pouco as coisas cortando essa parte e partindo para a ação. Assistimos Yeager ser sequestrado mais uma vez, o que é um pouco repetitivo, porém desta vez ele é raptado por humanos e é levado para um lugar dentro da muralha. Aparentemente uma parte da premissa é mostrar a luta entre seres humanos, o que pode causar um certo desapontamento, porém não acredito que tudo na temporada será baseado neste tema, afinal o foco do anime sempre foi a luta contra titãs. Nos resta esperar e torcer para que não estraguem a temporada e para que Shingeki no Kyojin continue prendendo e surpreendendo sua audiência com reviravoltas, lutas épicas e uma história inigualável.